TEL.: (11) 2124-9898

Câmbio - ViaBr Turismo


Qual a Validade de um Cartão?

A validade de seu Cartão Pré Pago CashPassport ou MoneyCard está impressa no próprio e, somente após este prazo o mesmo perderá validade. Você poderá solicitar a administradora um novo cartão, e caso haja saldo no cartão vencido, deverá solicitar que o mesmo seja creditado no novo cartão. Feito isso, utilizará o novo cartão normalmente em qualquer estabelecimento credenciado no mundo.


Diferença entre a taxa que está no jornal e a que está sendo vendida?

Primeiro, a taxa do jornal sempre reflete a média do dia anterior. Segundo, a taxa geralmente é a do dólar comercial (importação e exportação) que serve para sinalizar a venda e a compra diária. Embora essa taxa varie durante o dia, ela é a base para o dólar flutuante, onde se enquadra o dólar turismo, pagamentos etc. A taxa do dólar turismo é um pouco mais alta do que a do comercial. Se você consultou a taxa do dólar comercial, você encontrará a diferença a maior.


Quais as diferenças entre as cotações de dólar: comercial, turismo e paralelo?

Dólar comercial: é utilizado pelas empresas para a realização de importação e exportação, investimentos estrangeiros no Brasil, além de empréstimos internacionais. A taxa é negociada entre bancos e empresas com o objetivo de fechar suas posições no comércio exterior e remessas de capitais. A cotação do dólar comercial é definida pelo mercado, porém sempre acompanhada de perto pelo Banco Central. Em casos de grande flutuação, queda abrupta ou uma subida vertiginosa o BC intervêm no mercado comprando ou vendendo dólares.

Dólar turismo: O mesmo é usado pelos consumidores normalmente para realizar viagem ao exterior. Os principais usos do dólar turismo são para aquisição de passagens aéreas, gastos em lojas, bares e restaurantes localizados no exterior assim como para conversão de débitos efetuados cartão.

Dólar paralelo: O terceiro tipo da moeda é ilegal e conhecido por dólar paralelo. As transações com dólar paralelo são realizadas de forma clandestina, sem supervisão do Banco Central, por esse motivo essa transação não é recomendada por não se saber a procedência do mesmo, podendo até mesmo ser falso.


Afinal, o que é IOF?

A sigla IOF significa “Imposto sobre Operações Financeiras”. É uma tributação federal, cuja incidência dá-se em transações realizadas no exterior. O IOF tem alíquota fixa, que varia apenas conforme a operação financeira escolhida: 0,38% para compra de dinheiro em espécie (papel moeda) e 6,38% para utilização de todas as outras modalidades de pagamento (cartão de crédito internacional, cartão pré-pago internacional e travelers cheques).


Que modalidade de pagamento utilizar durante uma viagem ao exterior?

Nós recomendamos que não se leve todo o dinheiro disponível para a viagem em espécie. Apesar de a transação ser a única que mantém o IOF de 0,38% (para os saques em espécie realizados no Brasil), o azar não tem fronteiras.

O mais aconselhável é levar na carteira (ou escondido em um “money belt”) no máximo de 30% a 40% do valor planejado para gastar na viagem. Apesar dos 6,38% de IOF, deposite o restante em um cartão pré-pago de viagem que, além de segurança, garante controle financeiro durante a viagem.

Deixe, assim, o cartão de crédito reservado apenas para casos de extrema emergência, principalmente por conta das oscilações cambiais que podem gerar surpresas desagradáveis na hora que a fatura chegar.


O que são cartões de débito de viagem pré-pagos?

Os cartões de débito de viagem pré-pagos têm a mesma aparência que um cartão de débito ou crédito convencional, com bandeira, nome do proprietário, número de identificação, data de validade e código de segurança. A diferença é que eles precisam ser carregados previamente com algum saldo, em vez se gastar-se para só depois receber a fatura.

O cartão de débito de viagem pré-pago é seguro (em caso de perda ou roubo, pode ser cancelado e substituído por outro), congela a cotação da moeda no momento da compra, é prático (você usa direto no comércio ou faz saques em caixas eletrônicos 24 horas por dia, 7 dias por semana) e é recarregável à distância, por uma simples operação de internet banking.


Quando comprar moeda para a viagem?

A maioria dos economistas recomenda que a compra de moeda estrangeira seja feita de forma gradual, evitando os períodos de maiores altas e conseguindo assim um preço médio do período.

Uma maneira prática e segura de comprar moeda estrangeira aos poucos é fazer um cartão de débito de viagem pré-pago. Desta forma, é possível realizar as recargas on-line, sem precisar ter de carregar grandes volumes de dinheiro vivo para lá e para cá.


O que é e onde comprar um “money belt”

“Money belt” é um porta dinheiro e documentos para ser preso na cintura, como um cinto ou pochete, normalmente usado por baixo da roupa como medida de segurança.

Ele pode ser encontrado em diversas lojas que vendem artigos para viagem, como lojas de malas ou de esportes.


Não se esqueça de habilitar seus cartões

Para, durante a viagem, usar cartões de crédito ou débito internacionais é preciso entrar em contato com o banco com antecedência para informar a respeito da viagem e habilitá-los. Caso contrário, por segurança, os cartões são automaticamente bloqueados na primeira transação feita fora do país.


ViaBr - Agência de Viagem e Turismo

R. Dr. Costa Junior, 564 - Perdizes - São Paulo - SP - CEP: 05002-000
Tel.: (11) 2124-9898 | Fax: (11) 2124-9859 | contato@viabrturismo.com.br

ViaBR Turismo no Google Maps

Embratur: SP.10-04691493000104 | Abav: N°1769 | Cadastur: N°26.027291.10.0001-3
© 2003-2016 ViaBr Turismo & Eventos SC Ltda. Todos os direitos reservados.